sonia hirsch

jornalista e escritora focada em promoção da saúde

Cozinha medicinal: Emplastro de inhame

EMPLASTRO DE INHAME PUXA TUDO
Furúnculos, cistos sebáceos, unhas encravadas, verrugas, espinhas insistentes, farpas ou cacos de vidro que entram nas mãos ou nos pés. Desinflama cicatrizes, elimina o sangue pisado de contusões, abcessos e tumores. Pode ser usado imediatamente após fraturas ou queimaduras para evitar inchaço e dor, e também em processos inflamatórios de hemorróidas, apendicites, artrites, reumatismos, sinusites, pleurisias, nevralgias, neurites, eczemas. Em caso de tumor no seio ou em outros lugares junto à pele é ótimo usar o emplastro de inhame durante uma semana antes de operar, pois ele vai aumentar esse tumor atraindo toda substância semelhante que houver no interior do corpo e evitar outros tumores. Serve ainda para baixar febres.
MODO DE FAZER E APLICAR O EMPLASTRO DE INHAME
Descasque e rale na parte mais fina do ralador uma quantidade de inhame suficiente para cobrir a área afetada.
Rale também gengibre com casca, 1 parte de gengibre para 10 de inhame. 
Misture tudo com qualquer farinha, só para dar liga. A pasta deve ficar bem úmida.
 
Aplique sobre a região, cubra com gaze ou outro paninho fino, nunca com plástico ou material sintético. Em algumas horas o emplastro seca; retire com água morna e coloque um novo.
Às vezes o inhame pinica, ou coça, por conter muitos cristais de ácido oxálico. Isso acontece esporadicamente, em determinada safra de determinado local. Nesse caso passe azeite ou óleo na pele antes de colocar o emplastro; a gordura neutraliza a pinicação.
 
Os da roça dizem que, quando pinica, é porque não deixaram o inhame descansar na terra depois de colher.

 

A DENOMINAÇÃO CORRETA PARA ESTE INHAME É TARO
Em latim nosso herói se chama Colocasia esculenta (sinônimo Colocasia antiqua), da família Araceae, enquanto o inhame-do-norte e o cará são da família Dioscoreaceae. Como na maior parte dos lugares a denominação inhame se refere à turma da Dioscorea, e o nome predominante da Colocasia pelo mundo afora é taro, no I Simpósio Nacional sobre as Culturas do Inhame e do Cará foram propostas, e aprovadas, as denominações de Inhame para Dioscorea e Taro para Colocasia, uniformizando os termos brasileiros com a denominação internacional, de acordo com os relatos dos pesquisadores Santos, E.S., Cereda, M.P., Pedralli G. e Puiatti, M. (Denominações populares das espécies de Dioscorea e Colocasia no Brasil. Tecnol. & Ciên. Agropec., João Pessoa, v.1, n.1, p.37-41, set. 2007).
OS MUITOS NOMES DA COLOCASIA
inhame em São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Portugal
inhame branco, taro, taioba em Portugal (a folha da taioba é semelhante à do taro)
taiá no sul do Brasil
cará e cará chinês em outras regiões brasileiras
taro, cocoyam e dasheen em inglês
dasheen no Caribe
tar, kokosyams em dinamarquês
cocoyam em Gana, Nigéria e Camarões de língua inglesa
qolqas em árabe
taro em russo, alemão, holandês, francês e na Polinésia
aronille em francês
arvi, kachalu, ghuiya em hindu
chamagadda em Angla Pardesh, Índia
colocasia, malanga, yame de canárias, alcocaz e otoe em espanhol
colocasia, taro di egito em italiano
kolokassi em cipriota
kalo no Havaí
yu em mandarim
sato-imo em japonês
toran na Coréia do Sul
khoai mon ou khoai so no Vietnam
dalo nas ilhas Fiji
nduma em kikuyu
amadumbe em zulu
macabo entre os que falam francês em Camarões
yautía em Porto Rico
keladi em malaio
gabi em tagalogue, nas Filipinas
E tem mais: inhame, digo, taro, não é tubérculo nem rizoma. Pasme: é cormo. Com M.

COMA E AME!
~~~~~~~~~~~~
INHAME INHAME notas & receitas

ilustração: capa do livreto Inhame Inhame, por Newton Montenegro de Lima, com inhames desenhados por Murilo e a alta supervisão de Cesar Lobo, 1988

Categorias:viver melhor

Tags:

129 respostas

  1. hahaha, Roseane, pode crer! Um abração!

    Curtir

  2. Oi, SÔnia! Estava lendo o seu livro, Mamãe eu quero, e me surpreendi com algumas coisas que posso estar fazendo de errado na alimentação do meu filhinho, de um ano e quatro meses. Sempre oferecemos o arroz integral, cozido com outros cereais, e oferecemos muita fruta, pão integral, basicamente isso, ele não se interessou por carne, nunca oferecemos leite de vaca, enfim…mas o que eu percebi que pode estar errado (já que ele fica com as vias respiratórias cheias de muco com grande frequencia)é que talvez seja a mastigação dele, que ainda não dá conta de digerir muitobem tudo…o cocô dele é bem pesado, quase sempre bem escuro…puxa, estamos meio sem saber por onde melhorar, pra ele ficar bem fortão! UM beijo pra vc!

    Curtir

  3. OI, Sônia, sou eu de novo…também queria saber sobre o leite de cereais, ele pode ser oferecido todos os dias? quantas vezes por dia? um beijo,querida!

    Curtir

  4. Oi, Patricia, você está lendo o livro? O que eu tenho pra ajudar está lá, querida. É só você ler e pensar um pouco. Fora isso tem o site da sua xará Pat Feldman, que tem filhos lindos e saudáveis e ensina todos os truques. http://www.patfeldman.com.br . Um abraço!

    Curtir

  5. Sonia, Boa tarde!

    Lí em posts anteriores que para hemorróidas é bom emplastro de tofu, por favor, poderia me explicar como preparo? Esse tratamento elimina as hemorróidas de vez, como o emplastro de inhame? Muito obrigado pela atenção, Irineto.

    Curtir

  6. Oi, Irineto, você pega um quadrado de gaze (vende em farmácia o pacotinho), põe uma colherada ou fatia de tofu por cima e aplica. O tofu é frio e puxa o calor da hemorroida. Pode trocar e repetir quanto quiser.

    Mas tem que cuidar da boca também, né? Comer direitinho, caprichar em coisas aguadas como chuchu, abobrinha, pepino sem casca, e nada de pratos pesados, carnes gordas, churrasco, frituras, pimenta, bebida alcoólica, chocolate… Um abraço!

    Curtir

  7. Oi Sônia!
    Vou fazer uma cirurgia de redução de mama e gostaria que vc me indicasse algo para acelerar a cicatrização e evitar que as cicatrizes fiquem feias. Eu posso usar o emplasto de inhame nesse caso?
    Abraços

    Curtir

  8. Oi, Ana Paula, não sei. Melhor perguntar a quem entende. Um abraço!

    Curtir

  9. Oi Sônia. Acabo de conhecer seu blog e gostaria de sua orientação quanto ao emplastro de inhame. Ele serve para inflamação no tornozelo. O médico diagnosticou tendinite e, desde maio que sinto dor e ele sempre inchado e inflamado. Uma fisioterapeuta indicou comprar empastro na farmacia. Por favor me aconselhe, ele serve para minha inflamação? poso comprar na farmacia ou o ideal é fazer sua receita (que pelos comentários é milagrosa mesmo). Por favor me ajude, pois esta dor me deixa muito impaciente.
    Sybelle – Recife, PE.

    Curtir

  10. Serve sim para inflamação no tornozelo, Sybelle. Dá conta de qualquer tendinite. Um abraço!

    Curtir

  11. Oi Sônia, aqui em Recife (Nordeste) qual é o tipo de inhame que eu compro para fazer o emplastro??

    Obrigada!!

    Sybelle

    Curtir

  12. Oi, Sybelle, tanto faz o pequeno (Colocasia, nome correto taro) ou o grande (Dioscorea, nome correto inhame). Até uns dias atrás eu só tinha experiência com o pequeno, mas fiquei sabendo que o grande funciona da mesma forma. Um abraço!

    Curtir

  13. Oi Sônia, comecei ontem a noite a a aplicar o emplastro e noite hoje pela manhã que meu tornozelo já estava menos desinchado (graças a Deus). Irei continuar com a aplicação pois preciso ficar boa logo dessa tendinite pq a dor é muito insuportável e o tornozelo inchado me deixa muito impaciente. Espero que este emplastro me ajude muito.
    Muito obrigada pela ajuda!

    Curtir

  14. Oi, Sybelle, esse emplastro cura até unha encravada! Um abraço!

    Curtir

  15. Oi Sônia, Boa Tarde!
    Por favor me esclarecça mais uma dúvida. Acho que estou fazendo o emplastro da forma errada. Estou na dúvida se o inhame é ralado na parte do ralador mais fina onde ele sai em tirinhas bem fininhas e pequenas ou na parte do ralador que ele sai bem mole feito um purê (onde é justamente este que estou fazendo e ele está demorando um pouco para secar).
    Por favor me esclareça esta dúvida.

    Curtir

  16. Oi, Sybelle, você está fazendo certo. Se ele demora mais para secar, age por mais tempo: é a umidade que mantém o emplastro vivo. Quando seca, pode trocar. Um abraço!

    Curtir

  17. Boa Tarde Sônia,

    Torci o tornozelo no inicio do ano passado e acabei não fazendo o tratamento correto na época. Já fui a varios medicos e sempre tomo remedio diferente, tomando até injeção e nada. Sinto dores ainda sentindo ele inflamado. Será que o impastro ajudaria meu problema ou você me indicaria algo mais eficaz.
    Por favor, ajude-me.
    Obrigada!!!!!!

    Curtir

  18. Oi, Ana, o emplastro de inhame ajuda a tirar a inflamação e a dor que ela causa, mas uma torsão exige uma boa orientação fisioterapêutica. Se não voltar tudo ao lugar, dá erro para o resto da vida. O pé tem dezenas de ossinhos. Olho vivo. Um abraço!

    Curtir

  19. Sonia Hirsch adorei seu blog e tenho uma duvida, esse emplasmo e bom pra curar acne e cravos do rosto e do corpo também, tenho muitos cravos no rosto e nas costas e algumas espinhas no rosto, eu posso experimentar este emplasmo sem medo?

    Curtir

  20. Olá Sônia,
    gostaria de saber se posso fazer esse emplastro com inhame paulista (aquele pequenininho), como faço para usar no caso de sinusite e se serve para colocá-lo nos sucos cru mesmo ou, apenas, cozido.
    Obrigada e parabéns por ajudar tanta gente.

    Curtir

  21. Sim, pode usar esse inhame taro. Para comer cru, tem que ver se não pinica a garganta. Inhames podem ter ou não cristais de ácido oxálico que dão certa comichão. Quando é no emplastro, usa-se qualquer óleo por baixo; mas para beber, não sei o que seria possível fazer. Um abraço!

    Curtir

  22. Ué, recebi no email um comentário postado aqui mas o dito cujo não aparece. Copio:

    “olá sônia, meu nome é silvana , minha filha de 11anos tem dermatite atópica e esta com as bochechas e a testa com lesoes avermelhadas parecidas com espinhas , ja estou desesperada, ela ja tomou ixizine, usa pomada diprosalic, mas não melhora… o quê faço sera q elixir de inhame ou emplasto de inhame? por favor me ajude!!! abraços… “

    Silvana, veja no link abaixo como fazer o emplastro na pele. E não esqueça de que vermes dão muita dermatite, quem sabe um vermífugo polivalente também ajuda? Um abraço!

    http://www.soniahirsch.com/2010/04/inhame-inhame-o-emplastro-e-bom-para.html

    Curtir

  23. Aproveitando o post, aprendi e testei outro dia que a parte interna da casca da banana é muito eficaz para eliminar verrugas, aplicada como uma massa e trocada após alguns minutos. Abraços, Sonia e povo.

    Curtir

  24. Que dica boa, Eduardo. Eu sabia que a parte interna da casca da banana-prata podia ajudar a tirar manchas de pele, mas verrugas são novidade pra mim. Um abraço!

    Curtir

  25. Oi Sônia, tenho um mioma que tem provocado hemorragias, estou com um tratamento alopata mas quero sobre todo tentar os tratamentos naturais para evitar a cirurgia se possível pois os médicos falam da possibilidade de tirar o meu útero. Já estou seguindo um plano de alimentação. Outra das coisas que soube é que o Ixe amarelo e a unha de gato ajudam. E por ultimo compressas de inhame. O que eu li foi que ao fazer as compressas de inhame ele puxa para fora do útero na direção do abdome as toxinas, mas no seu blog vc indica as compressas uma semana antes de uma cirurgia para a extração de tumor e diz que o inhame vai levar mais toxinas para essa região.. Isso quer dizer que desde o seu ponto de vista, as compressas de inhame durante um mês não seria o mais indicado para o meu caso?, pois o que eu quero é a diminuição do mioma. Pode me aclarar essa dúvida por favor?

    Curtir

  26. O emplastro de inhame não ajudaria, Gabriela, porque mioma não é tumor. É uma estagnação do Chi e do sangue que vai sae tornando fibrosa e cresce. Já ouvi indicações do Uxi amarelo mas nunca acompanhei o uso. Eu fiquei livre de um espessamento do endométrio que ia virar mioma fazendo a dieta do dr Barcellos, veja sobre ela em http://www.soniahirsch.com/2012/12/feliz-ano-novo-poderosa-dieta-do-dr.html . Um abraço!

    Curtir

  27. Olá Sonia
    Obrigado por estas indicações e toda a sua dedicação em responder a dúvidas de todos ao longo de todo este tempo.
    Eu preciso saber se o tratamento do inhame é efetivo contra um rinofima (inchaço do nariz devido à grande produção das glandulas sebáceas). O alho misturado com azeite (virgem extra) é muito bom mas é muito agressivo para a pele (toda a vez que fiz a pele do nariz sai), mas tem vindo a diminuir o volume, pois a gordura acumulada é “transformada” em pus e logo sai, no entanto não é possível deixar a compressa muito tempo por o alho é muito forte mesmo. As compressas de farinha com mostarda também ajudaram mas menos e podem ser agressivas se colocadas diretamente sobre a pele.
    Tenho uma enorme curiosidade em experimentar o inhame e agradecia se pudesse dar a sua opinião.
    Mais uma vez obrigado

    Curtir

  28. Olá Sonia! Como muitos que escrevem aqui, sou leitora e admiradora sua faz tempo. Já usei muito mais o inhame na alimentação, conheço seus benefícios, mas nunca precisei fazer as famosas compressas. Nos ultimos 15 dias, um cravinho, que vez ou outra eu extraia a massinha de dentro após o banho sem problema algum, resolveu se rebelar. Amanheceu avermelhado e crescido como jamais. Não retrocedeu e então comecei a compressa inhame/gengibre. Na manhã do 9º dia (ontem) finalmente apareceram dois pequenos 'olhos' e consegui extrair certa quantitade de secreção. Entretanto, como a inflamação formou um pequeno monte com partes endurecidas, não forcei pois está bem dolorido e é num lugar delicado e que está bastante sensível ( parte superior do seio).
    Sigo com as compressas ( quantas vezes me é possível, em geral de manhã e à noite) mesmo tendo duvidas se nesse caso seria melhor fazer só com gengibre, e aquecido, ou se há outro tipo de compressa que fizesse amolecer mais rápido o que ainda esta duro( alho?). E para a sensibilidade da pele ( talvez causada pelo gengibre, deveria usar o famoso óleo de côco do Dr. Orgânico? Ah, desde que inflamou introduzi um inhame cru no meu suco de legumes matinal( os que uso nunca picam, são brancos e o sabor me agrada muito mais do que cozido.) ok, já sei que vc tem restrições a sucos assim ( e ainda coloco uma maçã…) mas, tem me ajudado a fugir de coisas piores logo de manhã.;-) E isso, estou na escuta do que me aconselha. E, olha, é admirável que além da excelencia das suas pesquisas e publicações consiga manter esta troca tão constante quanto rica e personalizada aqui no blog! Gracias pela generosidade super Sonia! 😉
    Isis

    Curtir

  29. José, me desculpe a ignorância, mas não conheço essa condição a que você se refere. Pode ser que o inhame com gengibre ajude sim. O jeito é experimentar e observar. Um abraço!

    Curtir

  30. Oi, Isis, acho difícil dar palpites assim de longe. Mas às vezes uma pomada de cyrtopodium age mais rápido e dá menos trabalho. Esse “pequeno monte com partes endurecidas” pode ser o que o inhame ajudou a puxar da região. Não seria bom conversar com alguém que pudesse olhar? Um abraço – e obrigada pelas palavras generosas!

    Curtir

  31. Sonia, envio um link para você, quando tiver oportunidade, ter uma ideia do que falo (ou Google -> digitar “rinofima” -> enter) – para sua eventual curiosidade e não sobre o meu caso em particular. Link: http://www.google.com/?gws_rd=cr#bav=on.2,or.r_qf.&cad=b&fp=1e42f913eabb2b8f&q=rinofima

    Curtir

  32. Obrigada pela resposta Sonia, hoje já retirei mais um pouco e secreção. E, pois é… já que ainda tem (menos!) algumas partes endurecidas gostaria de ver um especiaçista que examinasse, à esta altura do campeonato. Tenho um bom médico chines aqui mas sua agenda é mt concorrida e está em vésperas de viagem. Vc tem alguma sugestão de especialista aqui em Sampa ou arredores, que mesmo sendo médico alopata tenha transito e aceitação pelas outras vias terapeuticas como fitoterapia, MTC, homeopatia, etc? Mais uma vez gracias pela generosidade! O que cabe em minhas palavras é infinitamente menor! 😉
    abraço forte,
    Isis

    Curtir

  33. em tempo: já achei onde adquirir por aqui a cyrtopodium, vou pegar mais tarde e experimentar. Na verdade, se o que era um cravinho inofensivo virou esta coisa toda,mesmo que agora diminui de tamanho e incomoda muito menos, certamente é por alguma razão que precisarei pesquisar, entender e sanar. Tenho consciência disto. Puxa, que coisa inesperada e desagradável justo nestes tempos que vemos tantas mulheres às voltas com os mais variados tipos de formações nos seios… é alarmante, e quando algo surge em nós mesdmaxs, literalmente apavorante.
    merci encore et encore,
    Isis

    Curtir

  34. Isis, a gordura que chamamos de sebo tende a ser dura como um pedaço de sabonete velho. Daí o uso da compressa de gengibre, para amolecer o que deve sair. Especialista não conheço, o princípio não me atrai. E o que está saindo pode ter vindo de dentro e ser uma eliminação ou, ao contrário, ser resquício de alguma picada de inseto, ou presença de larva encapsulada, algo que dá e passa. Um abraço!

    Curtir

  35. Oi sonia, sim pode ser várias coisas, não creio em resquício nem larva, mas enfim, resolvi persistir no inhame/gengibre.Cada vez q tiro o emplasto faço compressas de agora bem morna e sai mais um pouco. Não parece o sebo que vc descreve, é mais parecido com o que seria um furúnculo. No geral esta diminuindo o tamanho incomodando muito menos e a sensibilidade da pele melhorou. Ah, sim falei 'especialista' mas o que queria mesmo dizer era algum terapeuta com um trabalho/pesquisa mais orientado para as questões das formações nos seios femininos que examinasse e opinasse etc. Ah, a medica homeopata q tem acompanhado há tempos, passou hepar sulfur. Enfim, vou fazendo o que consigo para deixar sair mais e mais. 😉 Darei notícias do desfecho. Gracias e gracias, abração, Isis.

    Curtir

  36. Isso mesmo, Isis, deixa sair!
    Adoro gente determinada 🙂 Um abraço!

    Curtir

  37. Sonia. Tudo bem? Sou Bióloga e um dia em trabalho de campo sofri um leve escorregão, e uma ferpa fina de galho entrou no meu rosto superficialmente. Depois de retirada ficou uma cicatriz de 1 cm. A cicatriz se encontra na fase fechada e vermelha, sendo que na ponta tem tipo um sangue pisado. O que você recomendaria? Emplastro de inhame ou outra coisa? Obrigada, Adriana

    Curtir

  38. Oi, Adriana, o emplastro de inhame é muito útil nessas horas, poderia até ter puxado a farpa.Vai funcionar bem para recuperar a pele. Um abraço!

    Curtir

  39. Boa noite Sônia, Gostaria de saber o que vc poderia indicar para curar dermatite. E me responder se tem alguma relação com parasitas.
    Por favor me ajude.

    Obrigada.

    Curtir

  40. Oi, Tânia, bingo! Qualquer dermatite que não seja de contato obriga a pensar em parasitoses. Veja mais nos Sintomas em http://www.correcotia.com/vermes . Um abraço!

    Curtir

  41. OLA SONIA, GOSTARIA DE SABER SE VC SABE O QUE ELIMINA DERMATITE SEBORREICA?

    Curtir

  42. Além de pensar em vermes, você pode tirar o leite e seus derivados da alimentação durante uma semana e ver o que acontece. Um abraço!

    Curtir

  43. Olá Sonia… Sou leitora dos seus livros há anos já. Adoro seu trabalho, sempre recomendo e sempre consulto seu blog. Mas essa é minha primeira participação ativa. Dilemas de mãe… Meu filhote de 2 anos vem sofrendo com uma alergia na pele muito severa que vai e vem. Alguns médicos acreditam ser dermatite atópica, outros dizem que não é de jeito nenhum. O fato é que ela vai e vem e já não sei mais o que fazer para aliviar as coceiras. Parecem brotoejas de calor. nesse momento voltaram no pescoço e nuca.Em geral concentram-se na perna e pé… Vc acha que posso usar o emplastro de inhame? Alguma outra dica? Gratidão querida e parabéns pelo trabalho

    Curtir

  44. Camila, pode ser sintoma de vermes, tipo lombrigas. Já vermifugou? Experimente o azeite de alho, e sumo de salsa em todas as refeições. Evitar laticínios é fundamental. O emplastro de inhame pode ajudar ou não, já que não parece ser local. Para uma orientação profissional, sugiro procurar Susana Ayres, que atende em Brasilia e por skype, tel 61 8628-1231, ou Geraldo Granja, que atende em BH e no Rio, tel 31 3458-9343. Um abraço!

    Curtir

  45. Grande Gratidão Sonia!!!! Ele já está sem laticínios há uns 3 meses pelo menos… Vou pensar nessa hipótese dos vermes, lí hoje sobre isso. Incluirei o sumo da salsa e o azeite de alho. Bjs

    Curtir

  46. Selma Oliveira,

    Olá Sônia, eu tenho vitiligo desde 2010, aquele do tipo não muito agressivo, apenas em alguns pontos e também tenho uns pequenos ferimentos que sempre saem na região do meu bumbum, entre as nádegas, sempre bem próximo da minha menstruação e até agora nao obtive sucesso com remédios de farmácias (passados p/ demart.). O inhame ajuda no vitiligo? e nesses pequenos ferimentos que vem todo mês?

    Curtir

  47. Oi, Selma, sei que comer inhame de pele roxa ajuda no vitiligo. Talvez você tenha algum resultado com o emplastro, mas não tenho referências a respeito. Quanto a esses “ferimentos” perto da menstruaçào, não seriam herpes? Um abraço!

    Curtir

  48. Oi Sonia posso usar o emplastro de inhame amamentando? Tenho queratose pilar, nos bracos e pernas gostaria de saber se resolve o meu caso?

    Curtir

  49. Não vejo problema com a amamentação. Se funciona, não sei; experimente e observe!

    Curtir