Para relaxar: Respirando em 4-7-8

Adoro quando os bons médicos resolvem trabalhar para as pessoas não ficarem doentes. Já citei aqui o Dr. Mercola, que faz um comércio expressivo no site mercola.com mas dá dicas preciosas e aponta todas as suspeitas de fraude que consegue apurar. Também gosto muito do dr Andrew Weil, outro que tem uma excelente postura de promoção da saúde junto com um comercinho maneiro de cápsulas & congêneres.

Pois outro dia o Mercola estava citando um exercício respiratório do Weil, feliz com o que considerou a melhor coisa simples que você pode fazer por você mesmo. Trifeliz, concordando plenamente, traduzo.

A respiração 4-7-8

1. Sente com a coluna ereta
2. coloque a ponta da língua atrás dos dentes superiores da frente e mantenha lá
3. inspire pelo nariz enquanto conta mentalmente até 4
4. segure o ar nos pulmões enquanto conta mentalmente até 7
5. expire fazendo shhh enquanto conta mentalmente até 8
6. repita mais três vezes: o ciclo completo são quatro respirações.

Limite: quatro ciclos por dia durante o primeiro mês.

Os benefícios dessa prática simples são enormes e agem como tranquilizantes naturais para o sistema nervoso. Fora isso, respirar bem é básico para organizar e dar ritmo à vida. Quem está tenso, nervoso ou preocupado para de respirar sem perceber. Fumar, pasmem, às vezes é uma ajudinha perversa e inconsciente para fazer o pulmão dos estressados funcionar. Pois vamos trazer isso logo à consciência e gravar na memória: 4-7-8!

15 comentários em Para relaxar: Respirando em 4-7-8

  1. vou experimentar.
    bjs

    Curtir

  2. Sou fã do dois médicos, apesar de achar que o Andy Weil usa soja demais… Mas as receitas dele são deliciosas, eu simplesmente adapto o que não acho legal!

    Curtir

  3. Fumar, pasmem. E é; quem já não viu aquela pessoa, no meio do estresse, parar e pegar a carteira e dar aquela baforada que entra e sai meio cigarro?

    É quase como um daqueles suspiros profundos e gostosos, com adição de nicotina e demais quetais.

    Este é um ótimo conselho – não o fumar! – mas o da respiração. Simples de dar dó, e funciona. O princípio é conhecido desde sempre, e recebeu um nome acadêmico recentemente, como “resposta de relaxamento”.

    Só o prestar atenção na respiração quando se está tenso já tira de letra metade da tensão; o resto é silêncio.

    Curtir

  4. Um dos truques para parar de fumar é respirar fundo 10 vezes toda vez que der vontade de pegar um cigarrinho.

    Curtir

  5. O Nuno Cobra apresentou exercício semelhante em seu livro “Semente da Vitória” ou no blog, há muitos anos. É muito bom encontrar esta sua indicação e praticá-la.

    Curtir

  6. ops, sua quero dizer sua mesmo, Sonia.

    Curtir

  7. Oi, Silvia, esses exercícios são muito antigos e têm muitas variantes. No Deixa Sair eu já publicava alguns – e continuo publicando sempre, porque respirar é a melhor e mais simples técnica que existe para organizar o corpo e a mente. Mas ninguém inventou nada. O que achei bonito foi ver um médico elogiando outro pela divulgação do exercício – e repassando. Né não?

    Curtir

  8. Daniela Azevedo // 4 agosto 2009 às 11:54 // Responder

    O exercício de respiração é ótimo e vale muito a pena ser lembrado e feito. Única observação que deixo é que, informada por minha professora de yoga, as grávidas não devem fazer esses exercícios de respiração com pausas segurando o ar. Você tem alguma outra informação a esse respeito? Obrigada!

    Curtir

  9. Não, mas vou pesquisar e volto aqui.

    Curtir

  10. Oi, Daniela, não achei nada com referência especial a grávidas, mas no livro Science of Breath (Swami Rama, Rudolph Ballentine e Alan Hymes, Himalayan Institute Press) existe o alerta de que todo exercício respiratório com retenção do ar só deve ser praticado sob a supervisão de um mestre versado em pranayama.

    Quando li me dei conta de que já sabia disso, dos tempos longínquos em que comecei a praticar exercícios respiratórios, mas esqueci. O Mercola talvez não soubesse, mas o Andrew Weil teria que saber. Vai ver esqueceu também. Ou então, acha que o limite estabelecido – 4 ciclos por dia durante o primeiro mês – é garantia suficiente de que não vai acontecer nada de mal ao praticante.

    Ainda bem que você lembrou. Muito obrigada, um abraço!

    Curtir

  11. Olá, Sonia!!!
    Obrigada pela atenção na busca da informação.
    Um abraço!

    Curtir

  12. Oi, Dani, mas não estamos aqui pra isso? Abração! 🙂

    Curtir

  13. Oi Sonia, eu sou sua leitora e acabo de colocar este post no meu blog que narra minha experiencia com a parada de ingestão de ansiolíticos e o qustionamneto do uso abusivo de medicamentos : http://saipralaansiolitico.wordpress.com/ , obrigada!

    Curtir

  14. Legal, Roberta! Um abraço!

    Curtir

  15. Oi Sônia, de vez em quando dou uma “revisada” no seu blog (cujos post novinhos sempre confiro por um reader), e reencontrar este post sobre os benefícios da respiração foi muito bom.
    Como os chineses sabiamente colocam, vivemos através da sinergia das essências pré e pós celestiais, sendo que esta última é formada através do Qi dos alimentos e do Qi do ar. Ou seja, somos o que e como comemos e respiramos…
    Um forte abraço!
    Luciene

    Curtir

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: